Salada Ceaser

Updated: Jan 22

Tenho certeza que você já comeu ou pelo menos já ouviu falar sobre a salada ceaser, certo? Mas talvez essa experiência tenha sido em um restaurante, ou na casa de algum familiar... então hoje trago boas notícias pra você! Com essa receita você vai aprender a fazer essa salada chiquérrima e totalmente fora do comum na sua própria casa. E melhor ainda, utilizando apenas ingredientes à base plantas, sem nada de origem animal, assim como todas as outras receitas que estão por vir nesse blog!


Mas caso você ainda não saiba o que é a salada ceaser, ela é feita tradicionalmente com frango, croutons, molho ceaser (contém maionese ou molho branco, derivados de peixe e outros temperos) e o queijo ralado geralmente também está entre os toppings da salada. Claro, sem contar as folhas que são utilizadas como a base da salada. Você pode usar as folhas que gostar mais, mas aqui eu decidi usar o alface e a couve kale pela minha preferência.

Image 1. Salad Ceaser


O meu topping favorito desse prato com certeza é o molho ceaser, que também ser feito de patê, e foi assim que o meu acabou inteirinho no dia seguinte. Ele é feito tradicionalmente com maionese, iogurte ou creme branco, azeite, limão e anchova (peixe), mostarda, entre outros temperos. Então eu resolvi substituir os ingredientes e acrescentar os meus temperos favoritos, e aqui vai o pulo do gato dessa receita: a alga nori. Para fazer qualquer molho, creme ou imitação de carne de peixe na versão vegana recomendo acrescentar a alga nori no preparo, porque ela em um gosto de mar que ''surpreendentemente'' lembra demais o gosto de peixe e outros frutos do mar.


A base dele aqui nessa receita é feita com castanha de caju, outra querida aliada da culinária vegana! Com um água na mesma quantidade, rapidinho ela se transforma em um creme de leite maravilhoso e super cremoso. Mas a maior dica é o tempo que a castanha precisa bater no liquidificador, porque ela demora um pouco para soltar toda a sua gordura. Em média de 3-5 minutos é o suficiente, no contrário, o molho depois de pronto não vai ficar lisinho como idealmente tem que ser, ok?

Image 2. Molho Ceaser


A parte mais fácil porém uma das mais gostosas dessa receita são os croutons! Eles ficam prontos em menos de 20 minutos e a textura crocante que eles trazem para essa salada faz toda a diferença. Sem muitas delongas, sugiro também fazer esses croutons no seu dia a dia quando tiver pão próximo da data de vencimento, por exemplo. Lembrando que os temperos também são super opcionais e você pode acrescentar ou retirar de acordo com sua preferência. Os únicos principais que não sugiro retirar ou substituir são o azeite e o sal. Ambos ajudam no crocante! :)

Image 3. Croutons


Agora chegou a hora de falar sobre a parte mais emocionante dessa receita! Lembra que eu falei que tradicionalmente a salada ceaser é feita com tiras de frango? Pois é, e não, eu não vou indicar uma marca que faz frangos veganos. Eu vou ensinar você a fazer o seu próprio frango caseiríssimo e muito mais acessível do que os industrializados comprados no mercado.


Vamos utilizar a farinha de glúten e o tofu como base para fazer o nosso frango, e também um ingrediente importantíssimo: a paciência, ou melhor, o planejamento e organização. Eu digo isso porque quanto mais tempo esse frango ficar marinando na geladeira (mínimo 1 hora e máximo 3 dias), melhor será a sua consistência. Então se programa aí com antecedência para tê-lo pronto e marinado no dia que decidir fazer a salada!


A maior dica que eu dou sobre o modo de preparo dessa ''carne'' é que você não ache que ela é de fato uma massa de pão que tem que ser lisinha e queira ficar sovando-a. Quanto menos essa massa/carne for modelada melhor. Após juntar todos os ingredientes no processador por no máximo 30 segundos, abra-a com um rolo e pronto. *Não* sove a massa, por favor. <3


O molho em que você vai deixar o seu frango marinando é super opcional e você pode utilizar os ingredientes que mais gosta, mas utilizando a base de azeite, limão e sal preferencialmente. Depois de marinado, vamos finalizar esse frango em uma frigideira ou no air fryer, como preferir.



Image 4. Foco no frango vegano.


Agora que eu passei um panorama geral da receita, bora para os detalhes?! Abaixo deixo as receitas de cada topping da salada separadamente. Você pode clicar nas imagens e se quiserem, pode imprimi-las e levar as receitas para a cozinha, fazer anotações... fica ao seu critério! Espero que ajude <3






Abaixo deixo o vídeo com todas as etapas da receita explicadas detalhadamente:




Notas


  • Lembrando que os temperos são sempre super opcionais, e muitas vezes é difícil de encontrar certos ingredientes. Por isso, fique a vontade para modificar a receita com os temperos que mais gostar e encontrar próximo de sua casa!

Espero muito que vocês tenham gostado da receita e desse novo formato que estou experimentando. Se puderem deixar um comentário para me ajudar a entender sugestões e dúvidas de vocês, curtir o post.. ah, e não deixa de me seguir no insta e de se inscrever no meu canal do YouTube também! Tudo isso vai me ajudar muito a continuar trazendo contéudo que vocês curtam :)


Qualquer dúvida é só comentar aí ou me chamar no direct do insta. Beijos e até a próxima! <3














60 views0 comments

Recent Posts

See All